• (67) 3321-0149
  • Segunda-feira à Sexta-feira das 08:00h às 17:00h

29 de abril de 2014

Fiscalização apresenta alto índice de resolutividade

O CRO-MS (Conselho Regional de Odontologia de Mato Grosso do Sul) realizou nessa última segunda-feira, 28, a reunião plenária do mês de abril. O encontro foi realizado no auditório do Conselho.

Durante os trabalhos foi apresentado o relatório do departamento de fiscalização do CRO-MS. No mês de abril foram visitados 43 Cirurgiões-Dentistas, três Técnicos de Prótese Dentária, 1 EPAO, 25 APD’s, 9 ASB’s e 2 LB’s.

Nesse período foram efetuadas 17 notificações, sendo a maior parte (6) por falta de registro de clínica junto ao CFO e no CRO-MS. “Hoje o que mais temos encontrado são casos de profissionais que no seu consultório colocam nome fantasia ou desenvolvem alguma marca para representar a empresa. Isso configura uma Pessoa Jurídica e para estar conforme a legislação, o profissional precisar fazer CNPJ e inscrição de clínica no Conselho. Então temos levado a eles essa orientação e ajudado para que façam a regularização”, explica o coordenador de fiscalização, César Augusto Pires.

Das 17 notificações registradas neste mês,  em 16 casos a irregularidade já foi sanada e a outra pendente, ainda está dentro do prazo para fazer as devidas adequações. Conforme os dados apresentados, o trabalho de fiscalização tem obtido um número significativo de resolutividade.

“Quase todos os casos são solucionados. Podemos ver por este mês que de 17 irregularidades, 16 já não existem mais. Tem sido assim nos outros meses. O trabalho que vem sendo feito está muito legal, pois o fiscal tem auxiliado os profissionais e oferecido informações que possam ajudá-lo” , afirma César Pires.