• (67) 3321-0149
  • Segunda-feira à Sexta-feira das 08:00h às 17:00h

21 de novembro de 2023

CRO-MS ministra palestra na Base Aérea

A presidente da Comissão de Prevenção ao Câncer de Boca do CRO-MS, Rosana Giordano, ministrou palestra nessa segunda-feira (20), para o efetivo da Base Aérea de Campo Grande.

A cirurgiã-dentista abordou sobre lesões bucais, sintomas, diagnóstico e tratamento. A atividade fez parte do Novembro Bordô, mês instituído pelo CRO-MS para a prevenção do Câncer de Boca.

A Semana de Prevenção ao Câncer de Boca é instituída por leis estadual (4.042/2011) e federal (13.230/2015).

O número estimado de casos novos de câncer da cavidade oral para o Brasil, para cada ano do triênio de 2023 a 2025, é de 15.100 casos, correspondendo ao risco estimado de 6,99 por 100 mil habitantes, sendo 10.900 em homens e 4.200 em mulheres.
Esses valores correspondem a um risco estimado de 10,30 casos novos a cada 100 mil homens e 3,83 a cada 100 mil mulheres.

O câncer da cavidade oral ocupa a 5ª posição entre os tipos de câncer mais frequentes entre homens na região Centro-oeste (8,14 por 100 mil). Já entre as mulheres, é o ocupa a 15ª posição.

Para o ano de 2023, são esperados 180 novos casos de câncer de boca em Mato Grosso do Sul, sendo 130 homens e 50 mulheres, sendo 70 apenas na Capital (50 homens e 20 mulheres).

No Brasil, em 2020, ocorreram 6.192 óbitos por câncer da cavidade oral (C00 -C10), correspondendo a um risco de morte de 2,92 por 100 mil habitantes. Entre os homens, foram 4.767 óbitos (4,60 por 100 mil) e, em mulheres, 1.425 (1,32 por 100 mil)